IMG-20170717-WA0002

Armario de canto / Gabinet Corner

Cliente, madrinha do meu filho, pede mágica para obssessivo…uma buraco de fechadura danado de pequeno!!!

20170521_120426

A demanda de “Quero uma estante na minha sala, para objetos pessoais, minha biblioteca, enfeites e tudo o que eu puder guardar a mais…” numa sala muiiiito pequena! “Quero uma madeira nem muito clara nem muito escura…”

Chegamos juntos a decisão de fazer um armario de canto, como aquele do século XIX e recebí a seguinte referência do Printerest…

IMG-20161018-WA0000 images (2) unnamed

Busquei primeiro Jequitiba sem sucesso e depois consegui toras de Tauarí de demolição.

Uma madeira linda, com densidade ótima para tudo, mas com muita sílica. Acabamento perfeito mas que moeu todas as lâminas e facas da oficina… ;-(((

20170513_170703

Após definir os padrões deste móvel…
images

Acrescentei  10cm salvadores nas laterais, mesmo no risco de avançar na sala.

Com 170 cm de altura e arestas de 60cm, construí duas colunas maciças para estruturar o móvel e ganhar profundidade nos cantos externos, com espigas que fecharam a esquadria e definiram as portas.

20170602_215005 20170603_172826 20170610_15232920170613_164041 20170610_152358

O fechamento do fundo foi feito de comcompensado de 15mm, folhado em Inbúia mais clara, fundamental para distribuir melhor o peso total.

20170606_180325

A correção do esquadro exigiu uma ginástica e tanto…

20170707_203827

O acabamento foi feito em Stain Clear da Sayerlack e cera inclor Machado.
As ferragens antigas foram garimpadas e resatauradas.

20170713_125834 20170712_190629 20170713_125815

Talvez o mais impressionante, foi a sensação de que um móvel grande pode simplesmente sumir. Na oficina e durante todo o trabalho parecia não atender a demanda do espaço pequeno, porém na instalação atendeu muito mais do que o esperado.

A quantidade de ângulos e a resistência do tauarí triplicaram o tempo de trabalho.

Mas valeu a pena, ver a madrinha contente!

IMG-20170717-WA0002

Published by

Adriano

Aleatóro é um atelier, uma oficina de experimentação. Um fazer novo com máquinas e materiais antigos. Nos relacionamos com o mercado na medida do possível e da necessidade. A madeira e o tecido quase sempre estão nos projetos que chegam aos clientes, porém nós recebemos por aqui toras de serrarias, peles de curtumes e tecidos da china. Maquinas, madeiras, tecidos e couros que garimpamos na região do Gasômetro em São Paulo, no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


2 + = onze